escuro

e quando as luzes se apagam e não te resta porto seguro algum?
e quando a garganta se aperta com um grito que, por mais que você tente, insiste em não se fazer ouvir?
e quando você inventa tantos caminhos pra fugir da dor que, quando se encontra, já se perdeu por completo?

eu me perdi, a dor me encontrou, meus gritos são mudos.
e eu tenho medo do escuro.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s