e eu me retiro pra solidão, me escondo no escuro. sozinha com meus sonhos vazios.

e quanto mais escuro estiver, mais escuridão eu vou buscar, enquanto eu sonho com dias claros.

e sigo sozinha, esperando, no fundo, alguma companhia. minha vontade e minha necessidade de companhia são inversamente proporcionais.

esperando alguém que queira ficar.

não quero meus problemas resolvidos, não quero conversas sem sentido, não quero cordialidades. eu quero emprestar um par de joelhos pra encharcar com minhas lágrimas.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s